O archaeopteryx é totalmente ave (Talk.Origins)

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.
Talkorigins.jpg
Artigo Resposta
Este artigo (O archaeopteryx é totalmente ave (Talk.Origins)) é uma resposta a uma réplica de uma reivindicação criacionista publicada pelo Talk.Origins Archive sob o título Index to Creationist Claims (Índice de Reivindicações Criacionistas).


Reivindicação CC214.1.1:

O archaeopteryx era totalmente ave. Ele tinha asas e penas totalmente formadas.

Fonte:

  • Watchtower Bible and Tract Society, 1985. Life--How Did It Get Here? Brooklyn, NY, pp. 79-80.
  • Morris, Henry M., 1974. Scientific Creationism, Green Forest, AR: Master Books, p. 85.


Resposta da CreationWiki: (citações da Talk.Origins em azul)

1. O archaeopteryx é definido como uma ave (tecnicamente, um avialan). Porém, ele tinha muito mais características de dinossauro do que de ave.

Tudo que isso mostra é que o Archaeopteryx era um mosaico e que Deus não joga pelas regras do sistema de classificação moderno. Dado que alguns tipos criados parecem ter sido extintos, não é surpresa encontrar animais com características que definimos agora como pertencentes a grupos diferentes. Nada disso muda o fato de que o Archaeopteryx era uma ave.

Outras características de ave do Archaeopteryx são encontradas também em vários dinossauros não-aves. Essas características incluem penas, uma fúrcula fundida na linha média, e um púbis alongado e dirigido pra trás.

Isso é totalmente consistente com ideias da Ciência da Criação sobre formas mosáicas. Isso pode também significar que alguns desses "dinossauros", se não todos, eram na verdade aves.

O hálux (dedo do pé) de ave atribuído ao Archaeopteryx pode ser um erro devido a preservação ruim.

Esta afirmação do Talk.Origins não é apenas vaga, mas o trabalho no qual é baseada não pode ser encontrado. O citado é dado como:

  • Middleton, K. M., 2002. Evolution of the perching foot in theropods. Journal of Vertebrate Paleontology 22: 88A.

Mas o volume 22 (as quatro edições de 2002) do Journal of Vertebrate Paleontology não tem nenhum trabalho ou outro artigo por esse nome, nem há qualquer coisa escrita por K. M. Middleton.

Adicionalmente, o Archaeopteryx era intermediário entre dinossauros e aves modernas na forma dos ossos coracóide e úmero e o cérebro.

Isso é um pouco enganoso, já que ignora alguns fatos como o fato de que o cérebro do Archaeopteryx tinha três vezes o tamanho do de um dinossauro do mesmo tamanho, e era claramente de ave. A única maneira do cérebro do Archaeopteryx parecer ser "intermediário entre dinossauros e aves modernas" é em termos de seu tamanho. [1]

Seus principais traços de aves são

  • Narinas externas compridas.
  • Quadrado e quadratojugal (dois ossos da mandíbula) não suturados juntos.
  • Ossos palatinos que têm três extensões.
  • Todos os dentes sem serrilhas.
  • Grandes sulcos laterais na parte superior traseira do corpo das vértebras.

A Talk.Origins está claramente subestimando as características de aves do Archaeopteryx. Eles só listam cinco aqui enquanto listam 13 características de dinossauros, de tal forma que num piscar de olhos, parece mais dinossauro do que ave. Eles mencionam três outras características de aves (penas; fúrcula, e pubis alongada e dirigido para trás) alegados ser compartilhadas por dinossauros, mas elas são, na verdade, traços de aves, elevando o total para oito. Eles, então, usam uma referência questionável para atacar um nono traço de aves, a de um hálux de pássaro. A Talk.origins ignora outras características de aves, incluindo:

Estes seis traços de aves trazem o total para 15, ultrapassando os 13 traços de dinossauros.

e mais de 100 outras diferenças de pássaros.

Enquanto a Talk.Origins coloca esta declaração no final de sua lista de traços de dinossauros, eles não dizem que eles são dinossauros; tudo o que eles dizem é que eles são diferentes dos pássaros. Isto implica que as características em questão não são nem de dinossauros nem aviárias. Parece que essas características simplesmente não se encaixam no esquema evolutivo.