O código genético é uma linguagem (Talk.Origins)

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.
Talkorigins.jpg
Artigo Resposta
Este artigo (O código genético é uma linguagem (Talk.Origins)) é uma resposta a uma réplica de uma reivindicação criacionista publicada pelo Talk.Origins Archive sob o título Index to Creationist Claims (Índice de Reivindicações Criacionistas).


Alegação CB180:

O código genético é uma linguagem no sentido normal do termo, uma vez que atribui significado aos símbolos arbitrários. A linguagem é, obviamente, uma categoria não-material da realidade; a informação simbólica é distinta da matéria e energia. Portanto, a vida é uma manifestação da realidade não-material.

Fonte:

Resposta da CreationWiki:

  • Como redigido a alegação não representa com precisão o conteúdo de qualquer artigo fonte.
    • Em nenhum lugar Baumgardner chama o código genético de uma linguagem; isso seria o mesmo que chamar um alfabeto de uma linguagem. Ele, no entanto, discute a linguagem genética ela própria.
    • Em nenhum lugar Baumgardner afirma que o significado da linguagem genética é totalmente arbitrário, como indicado pela afirmação.
    • Em nenhum lugar Baumgardner diz que a linguagem não é de natureza material, mas sim que ela se refere à natureza não material da informação. Além disso, ele só a usa para inferir que a realidade não-material poderia existir e isto somente como um pensamento que passa.
  • O que o código genético (ou cifra como alegado pela Talk Origins) é, é um altamente sofisticado sistema de armazenamento de informações.
    • Qualquer sistema de armazenamento de informações deve codificar alguma forma de linguagem, mesmo que não possua todos os atributos associados com a linguagem humana.
    • O fato de que os significados no código genético são interdependentes faz parte dele ser um sistema de armazenamento de informações excepcionalmente denso. Isso realmente adiciona um nível de complexidade que realmente torna as coisas piores para a teoria da evolução, uma vez que um código de símbolos totalmente aleatórios é muito mais provável do que um de significados interdependentes.