O aviador russo Roskovitsky fotografou a Arca (Talk.Origins)

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.
Talkorigins.jpg
Artigo Resposta
Este artigo (O aviador russo Roskovitsky fotografou a Arca (Talk.Origins)) é uma resposta a uma réplica de uma reivindicação criacionista publicada pelo Talk.Origins Archive sob o título Index to Creationist Claims (Índice de Reivindicações Criacionistas).

Alegação CH505.5:

Em 1916, uma história de Vladimir Roskovitsky contou como ele e outros aviadores russos avistaram a arca, quase intacta, alicerçada na margem de um lago no Ararat. Uma expedição alcançou a arca cerca de um mês mais tarde. As fotografias e os planos foram enviados para o czar, mas os bolcheviques derrubaram o czar, alguns dias depois, e as provas foram perdidos.
Testemunho posterior, revelou que esse relato -- mesmo o nome Roskovitsky -- era 95 porcento ficção, mas outros soldados russos disseram ter ouvido sobre uma expedição montada em 1917 para descobrir a arca de Noé, com base em algo em um lago visto do ar.

Fonte: Tim LaHaye and John Morris, 1976. The Ark on Ararat, Nashville: Thomas Nelson Inc. and Creation Life Publishers, pp. 76-87.


Resposta da CreationWiki: (citações da Talk.Origins em azul)

1. A história original é reconhecidamente falsa. No entanto, o suposto núcleo histórico da história não resiste à análise crítica, também. A expedição teria sido impedida de alcançar a arca por causa de um pântano cheio de cobras, mas os únicos pântanos estão na base do Ararat.

LaHaye e Morris reconheceram que havia um monte de ficção neste relato, mas o incluiram, pois pode haver alguma verdade por trás dele.