Aleatoriedade

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.

A aleatoriedade é a idéia teórica usada para descrever eventos que ocorrem sem causa específica, padrão ou propósito. A existência ou não-existência de aleatoriedade no universo é um assunto de disputa filosófica e científica, e é ainda infalsificável.

Pontos de vista sobre a aleatoriedade

  • Determinismo: Não existem eventos aleatórios na natureza;
  • Semideterminismo: Alguns eventos são determinados pela vontade de Deus, outros pela vontade independente dos seres vivos, outros por lei natural, e outros ainda por aleatoriedade.
  • Niilismo: Todos os eventos na natureza são aleatórios, sem causa e sem sentido;

A aleatoriedade existe?

A chave para resolver este problema é aprender a diferenciar entre o que é verdadeiramente aleatório e o que é simplesmente imprevisível. Um evento pode ser não-aleatório, mas imprevisível, porque a imprevisibilidade pode simplesmente ser um resultado de nossa incapacidade de prever o resultado devido às limitações do nosso conhecimento, em vez de a impossibilidade de predizer o resultado, devido a uma total carência de qualquer causa identificável.

Por exemplo:

Quando se lança uma moeda, há uma probabilidade igual de se obter cra ou coroa, e o resultado de qualquer lance é imprevisível. No entanto, o resultado não é aleatório. Ele é determinado por uma série de fatores diferentes, incluindo a massa da moeda, o ângulo, a direção e a velocidade com a qual a moeda é virada, a resistência do vento e da gravidade que encontra durante o seu vôo, e quanto tempo ela será deixada voar antes de ser apanhada. Se soubéssemos todos esses fatos antes que nós arremessássemos a moeda, então nós poderíamos prever o resultado de cada lance. Tudo sobre o lance é determinado por fatos mensuráveis, quantificáveis. No entanto, porque não sabemos todas as variáveis, não podemos prever o resultado. Um lance da moeda é imprevisível, mas não é aleatório.

Outros exemplos incluem arremesso de dados, o embaralhar das cartas, eventos "coincidentes", padrões de tráfego e padrões de voto. Além disso, os computadores são incapazes de criar números aleatórios, e em vez disso criam apenas números pseudo-aleatórios "" que executam uma leitura do relógio do sistema (a "semente") por meio de um algoritmo complicado para criar números que são imprevisíveis, embora não verdadeiramente aleatória, porque o resultado é determinado pela semente fornecida pelo relógio do sistema.

Em todos estes casos, o resultado é imprevisível porque não podemos ver, compreender, ou calcular o resultado; mas o evento não é aleatório, porque o resultado é determinado por causas definidas, e apenas um resultado é possível, tendo em conta todas as circunstâncias.

Embora os casos acima são claramente imprevisível, mas não aleatório, existem muitos outros casos que não são tão claros. Iriam os padrões meteorológicos, o comportamento animal, o câncer e o movimento de partículas subatômicas todos ser totalmente previsíveis se tivéssemos as ferramentas para observar as suas causas? Ou há um elemento de verdadeira aleatoriedade nestes eventos, o que torna impossível conhecer o desfecho?

A resposta é simples: "Não sabemos." É extremamente difícil se provar uma negativa, porque o simples fato de que você não sabe qual a causa de alguma coisa não significa que não há nenhuma causa; isso pode significar que você simplesmente não descobriu isso ainda. Essencialmente, nós nunca podemos saber com certeza se algo é verdadeiramente aleatório ou não até que venhamos a entender completamente tudo sobre as causas do universo, e ver que um evento é totalmente desprovido de causa. Isso parece improvável que aconteça a qualquer momento no futuro próximo.

Vídeo

Este número coral clássico ilustra o princípio da aleatoriedade, como a maioria das pessoas entende, melhor do que quaisquer palavras poderiam.

Ligações externas