A evolução não explica a música (Talk.Origins)

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.
Talkorigins.jpg
Artigo Resposta
Este artigo (A evolução não explica a música (Talk.Origins)) é uma resposta a uma réplica de uma reivindicação criacionista publicada pelo Talk.Origins Archive sob o título Index to Creationist Claims (Índice de Reivindicações Criacionistas).

Alegação CB421:

A evolução não explica a música.

Resposta da CreationWiki:

Observe que não há fonte de dados para essa afirmação.

A música sai com mais naturalidade de um modelo de criação já que o nosso Criador teria que ter capacidade criativa. A evolução, por outro lado, só é tão capaz de explicar a capacidade criativa tal como música, quanto a mente humana e o cérebro.

1. Este é um argumento da incredulidade. Não saber como algo é explicado, não significa que não pode ser explicado.
2. Há evidências de que a música é relacionada com a linguagem. Um acorde dissonante desencadeia uma parte do cérebro que reconhece a sintaxe correta (Clarke 2001; Maess et al. 2001). Assim, uma apreciação da música poderia ter surgido, pelo menos em parte, como um efeito colateral da evolução da linguagem. Outra hipótese é que a música surgiu em paralelo com a sociabilidade, como um meio de unir as pessoas através de atividades comunitárias como a dança e o ritmo (Benzon 2001).