Conversão gênica

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.
Diagrama comparando a conversão gênica com o crossover: a) Conversão gênica b) Crossover

A conversão gênica ocorre quando um alelo de um gene é perdido e é então, substituído por um alelo alternativo.[1] A conversão gênica é um processo que ocorre sem ter sido um acontecimento de recombinação recíproca. A conversão do gene pode ser classificada em alélica onde um alelo do mesmo gene substitui outro alelo, ou ectópica, quando uma sequência de ADN paráloga converte outra. Estudos genéticos mostraram que, tipicamente, apenas pequenas seções de ADN sofrem conversão gênica, e, em muitos casos, apenas uma parte de um gene é alterada.[2]

Referências

  1. Watson, Jamed D.; Baker, Tania A.; Bell, Stephen P.; Gann, Alexandrer; Levine, Michael. Losick, Richard. Molecular Biology of the Gene. 5ª ed. San Francisco, CA: Pearson, Benjamin Cummings/CSHL Press, 2004. p. 284. ISBN 0-8053-4642-2
  2. Alberts, Bruce; Johnson, Alexander; Lewis, Julian; Raff, Martin; Roberts, Keith; Walters, Peter. Molecular Biology of the Cell. 5ª ed. New York e London: Garland Science, 2008. p. 314. ISBN 0-8153-4105-9