Nitrato

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.

Nitratos, s.m. Azotato, são componentes químicos com o íon nitrato neles. O nitrato é o sal formado pela ação do ácido nítrico sobre os óxidos metálicos, hidróxidos e carbonatos, nesses derivados o nitrogênio é pentavalente positivo.

Estrutura

O íon nitrato tem uma fórmula química de NO3-. Ele tem uma massa molecular de 62.0049 g/mol. Tem nitrogênio em seu estado de oxidação +5. Nitratos são agentes oxidantes, especialmente quando ácidos. Dissolvido em água, o NO3- é um agente oxidante capaz de oxidar metais que o H+ não é capaz.[1] Os nitratos são sais de ácido nítrico. Um exemplo de nitrato é o nitrato de potássio.

É a base conjugada do ácido nítrico, consistindo de um átomo de azoto central rodeado por três átomos de oxigénio de forma idêntica-ligados em um arranjo trigonal planar. O íon nitrato transporta uma carga formal de -1. Isto resulta de uma carga formal de combinação em que cada um dos três oxigénios transporta uma carga -2/3, enquanto que o azoto carrega uma carga +1, todos estes adicionando-se a carga formal do ión nitrato poliatómico.

A carga líquida do ião íon nitrato é 1−. Este arranjo é normalmente usado como um exemplo de ressonância. Tal como o íon carbonato isoeletrônico, o íon de nitrato pode ser representado por estruturas de ressonância:

estruturas canônicas para o íon nitrato

Usos

Na alimentação

Nitratos são usados ​​primariamente para preservar a cor vermelha da carne. Nitratos (NO3-) e nitritos (NO2-) são usados ​​primariamente para curar carnes. Uma função é reter a cor vermelha que a maioria das pessoas considera como um sinal de carne fresca e saudável.[2] Nitratos são utilizados na produção de queijo Gouda para prevenir a formação de gás.[3]

Existem altas concentrações de nitrato em alguns vegetais como repolho chinês, chicória, salada de milho, alface, funcho, couve-rábano, beterraba, rabanete, rúcula e espinafre, cerca de (1000–4000 mg/kg de peso fresco).[4]

Na agricultura

Nitratos são produzidos principalmente para uso como fertilizantes na agricultura por causa da sua elevada solubilidade e biodegradabilidade. Os nitratos principais são amónio, sódio, potássio, e sais de cálcio.

Em explosivos

Nitratos são também utilizados como agente oxidante de explosivos, incluindo dispositivos explosivos improvisados​​.

Referências

  1. Brady, James E.; Holum, John R. Chemistry: The Study of Matter and its Changes. 2ª ed. New York: John Wiley & Sons, 1996. p. 380. ISBN 0-471-10042-0
  2. Newton, David E. Food Chemistry. New York NY: Facts On File, Inc., 2007. p. 23. ISBN 978-0-8160-5277-6
  3. deMan, John M. Principles of Food Chemistry (em inglês). 3ª ed. Gaithersburg, Maryland: Aspen Publishers, Inc, 1999. 595 p. p. 435. ISBN 0-8342-1234-X
  4. Belitz, H. D; Grosch, W,; Schieberle, P John M. Food Chemistry (em inglês). 4ª ed. Berlin Heidelberg: Springer, 2009. Capítulo: 1. Amino Acids, Peptides, Proteins, 1070 p. p. 454-493. ISBN 978-3-540-69933-0