Non sequitur

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.
Falacia logica.png

Non sequitur é uma palavra latina que significa "Não se segue". É o argumento que se move de uma premissa a uma conclusão onde não existe conexão entre os dois. Em outras palavras, é uma falácia lógica que acontece quando uma conclusão não se segue das suas premissas. Por exemplo:

  • E: "Como evidência para a descendência comum: As estruturas que todos os organismos conhecidos usam para realizar estes quatro processos básicos são todas bastante semelhantes, apesar das probabilidades. Todos os seres vivos conhecidos utilizam polímeros para executar estas quatro funções básicas. Químicos orgânicos sintetizaram centenas de diferentes polímeros, no entanto, os únicos utilizados pela vida, independentemente da espécie, são polinucleotídeos, polipeptídeos e polissacarídeos."
  • C: O argumento é, em essência, "Uma vez que diferentes formas de vida são estruturadas de maneiras semelhantes, são mais susceptíveis de serem relacionadas." Mas o fato de que as coisas sejam semelhantes não exige que elas estejam relacionadas. Um artista pode utilizar o mesmo tipo de mármore para fazer duas esculturas, mas isso não é uma evidência de que as esculturas estão relacionadas. Do mesmo modo, o criador pode utilizar mecanismos químicos semelhantes para a construção de vida, mas isso não é uma evidência de que as formas de vida estão relacionadas. A semelhança química de toda a vida é consistente com ambos pontos de vista, criacionista e evolucionista, e, assim, usá-lo para defender descendência comum é um non sequitur.

Ver também

Falacia logica.png
Aviso:
Este argumento representa uma
Non sequitur.
Use a predefinição {{Falácia |Non sequitur}} para inserir o aviso acima em uma página contendo um argumento “Non sequitur”. A predefinição liga o rótulo de aviso para esta página.