Coanócito

De CriaçãoWiki, a enciclopédia da ciência da criação.
Esquema de um coanócito.
1-Flagelo
2-Colar cheio de microvilos
3-Núcleo

Coanócito (célula colar) - uma célula flagelada que reveste o interior do cavidade central (esponjocele) de uma esponja.[1] O coanócito é ovóide com um extremo adjacente ao mesênquima ao passo que o outro extremo se projeta no átrio e carrega um flagelo rodeado por uma gola contrátil basal.[2] Os coanócitos tem uma gola tubular com um flagelo alargado ou ondulipódio, que está virado para a esponjocele e cria correntes que forçam a água para os interstícios da esponja. Partículas de alimentos em suspensão, tais como plâncton, são capturadas pelos coanócitos e passadas para um amebócito que transporta o alimento a outras células.[1]

Referências

  1. Hickman Jr., Cleveland P.; Roberts, Larry S.; Keen, Susan L.; Larson, Allan; l'Anson, Helen; Eisenhour, David J. Integrated Principles of Zoology. 14ª ed. Boston: McGraw-Hill, 2008. p. 252-253. ISBN 978-0-07-297004-3
  2. Barnes, Robert D. Zoologia de los Invertebrados (em espanhol). 3ª ed. Mexico D. F., Mexico: Nueva Editorial Americana, 1977. p. 72. ISBN 968-25-0094-X